Eurovision

O que achamos dos ensaios de ontem do Eurovision 2017

08 de Maio de 2017 - por Fabiana Silva
08 05 2017

Ensaios de hoje

  • Ucrânia
  • Itália
  • Espanha
  • Alemanha
  • Reino Unido
  • França

Confira o calendário completo do Eurovision 2017


Ucrânia

Fabiana: a cabeça é realmente o melhor elemento da apresentação ucraniana. As projeções feitas nela, esses olhos piscando… excelente! A iluminação também foi muito bem trabalhada, com esses verdes e azuis que remetem à ficção científica e esse dourado para marcar o último refrão. Senti falta dos fogos durante o solo, assim como foi feito na final do Vidbir – acrescentava bastante ao conjunto. Zhenya é correto, mas não consegue transmitir muitas coisas com as expressões faciais e com sua voz e esse é o ponto mais fraco para a Ucrânia. Nota: 7,5/10

Guilherme: Os vocais estão acertados, o telão condiz com a performance e com a mensagem da música. No jogo de câmeras, vai ser mais um trabalho bem feito do time ucraniano. A cabeça também tem seus efeitos, mas sem ofuscar a atenção que a música deve receber. Creio que a Ucrânia pode se sair bem apesar de tudo, afinal, é o único rock da edição. Nota 8,5/10

Jônatas: A misteriosa cabeça  caiu muito bem na performance ucraniana, tudo está muito bem executado, os vocais estão ótimos, a iluminação está muito boa também, creio que o jogo de câmeras será muito bem feito. Nota:8/10

Marcus: A Ucrânia tem um ótimo staging como um todo. Não só o telão, como também no vocal e no jogo de câmeras. Espero que eles tenham um bom resultado na final, apesar de terem uma música pouco popular na competição. Nota: 8,5/10

Paulo: Fiquei um poucio decepcionado, principalmente por ser uma das minhas favoritas. Sim, está visualmente muito bonito mas muito simples – eles poderiam ter feito muito mais! Qualquer uma das duas apresentações que fizeram no Vidbir (semifinal e final) são tão superiores a esta que me deixou extrememante desapontado com a falta de vontade da delegação ucraniana em realizar algo mais elaborado – sim, caso eu não tivesse visto o que eles fizeram, ficaria muito contente com a apresentação, mas eu esperava realmente muito mais. Nota: 6/10


Itália

Fabiana: Itália, você está querendo mesmo ganhar o Eurovision? Porque não parece (de novo)! Não é a melhor apresentação possível: foi o pior vocal que ouvi do Gabbani desde a estreia no Sanremo e o trabalho de câmeras é apenas ok. O cantor continua cheio de simpatia, colocando a galera para dançar, interagindo com o público e com as câmeras. É uma apresentação bem natural, mesmo tendo coreografia. Nem todo mundo gostou do telão, mas eu o acho bem colorido, complementando a mensagem da música (os arabescos orientais, a evolução do homem ao macaco). O que sempre vai me incomodar é esse corte brusco da música depois do primeiro refrão. Quanto mais ouço, mais odeio. Nota: 8,5/10

Guilherme: Espero que ele esteja poupando a voz, porque se ele cantar assim no sábado… Os backing vocals conseguiram acertar a coreografia (menos o de vermelho), mas falta um pouco de cafeína ali. O jogo de câmeras tá bem preocupante também. Agora que sabemos que ele vai cantar na primeira metade, é bom a delegação italiana ajustar esses pequenos detalhes para abocanhar o troféu. Nota: 7,5/10

Jônatas: Pare de fumar antes de entrar em palco. O vocal está muito ruim, o telão na final nacional estava mil vezes melhor doo que está agora, o macaco até que é legalzinho, mas aquela dancinha… Tomara que ele fume antes de entrar em palco na final. Nota:4/10

Marcus: A Itália parece ter se concentrado bastante na coreografia para a apresentação e se esqueceu um pouco do vocal. Este é o que mais me incomoda em todo o conjunto, o que deverá ser corrigido às pressas… Ou é só impressão minha? Nota: 6,5/10

Paulo: O bom do Gabbani é qe ele é extremamente natural, contudo ele não está levando esse ensaio “a sério”, aparentemente, como se ele só está ensaiando porque tem que fazê-lo. Obviamente pela diminuição do tempo de duração da canção e também pela ausência da orquestra, a Itália não iria repetir exatamente a apresentação do Sanremo, contudo não está ruim. Nota: 8/10


Espanha

Fabiana: Hans, você ia salvar a Espanha… mas acho que não deu muito certo. Não entendo esse início, começando de costas para o público, assim como não entendo trazer uma banda para o palco. As animações no telão são muito infantis, me lembram os cliparts do Power Point, da época em que estava na escola. Agora vamos às coisas que acho que funcionaram: as pranchas de surf no chão de led, o figurino praiano característico, Manel estar acompanhado por seu violão e as cores bem vibrantes. Já ouvimos vocais melhores do espanhol, mas ele continua bem carismático, dá vontade de adotar e levar para casa. Nota: 6/10

Guilherme: A parte das pranchas no jogo de câmeras ficou bem feito, e o telão praiano com combina com a música (duh). Espero que não cantem de costas pro público, isso pode custar pontos (oi, Ann Sophie). Achei o vocal de hoje pior do que no primeiro ensaio, mas o Manel compensa com carisma. Continuo achando brega a ideia de colocar a boyband inteira ali no palco, mas bora fazendo. Nota: 6,5/10

Jônatas: Esse estilo praia não está legal, está uma decepção. Que Deus tenha misericórdia dessa nação. Mirela a Eurovision! Nota:1/10

Marcus: Podem reclamar, mas isso não me desce. Só consigo lembrar da abertura do Chapolin com essas pranchas. Nota: 2/10

Paulo: Esperava mais da Espanha por causa do Hans (responsável por Holanda 2014 e 2016). Contudo ela é divertida e despretensiosa, porém esse telão extremamente pobre sempre me incomodará e deixa o resultado final tão mas tão pobre. Nota: 6,5/10


Alemanha

Fabiana: é oficial – Levina vai pedir música no Fantástico no domingo que vem. É muito monocromático e sem graça, tirou todo esse brilho natural que a alemã exala. Parece que o país já entrou derrotado, ligou o f*-se mesmo. Levina foi bem vocalmente e ela conseguiu transmitir alguma emoção, mas não foi o suficiente para minimizar o desastre desse fundo geométrico cinza e dessa iluminação básica. A única coisa que me deixou curiosa, foi esse início, com ela deitada. Nota: 3,5/10 PS: VOLTA RAAB!

Guilherme: Levina é carismática e tem uma boa voz, mas essa performance é tão apática que deve apagá-la da competição. Falta cor, falta companhia, falta fogo, falta muita coisa que poderia ser melhor explorada, mas que infelizmente não foi por conta do péssimo trabalho da emissora alemã. Se não ficar em último lugar, chega perto. Nota: 2/10

Jônatas: Até que conseguiram executar uma apresentação decente, já que a música não muito, seu vocal está bom, aquela saia de irmã da Deus é amor não cola. Nota:5,5/10

Marcus: Levina, querida… Você tem certeza que isso se parece com um top 3 pra você? Cadê as cores desse telão? Ela é muito talentosa e merece muito uma boa posição, mas o conjunto não está ajudando. Nota: 5/10

Paulo: Colocaram tudo absolutamente cinza pra combinar com a canção, chata e sem vida? E esse vestido e cabelo a Levina que faz ela parecer que tem 70 anos, também pra combinar com o fato que a canção é datada? A Alemanha está se esforçando muiito mas muiiito pra conseguir seu bottom novamente e olha que tá no caminho certo. Pena que a Levina merecia algo melhor, ela é esforçada mas ninguém – realmente ninguém – conseguiria salvar essa canção com essa apresentação desastrosa. Nota: 1,5/10


Reino Unido

Fabiana: melhor apresentação do Reino Unido desde a Jade Ewen! Não tem praticamente nada que eu não goste na performance da Lucie, a começar com seu vocal poderoso e com sua expressividade. Se for para mudar alguma coisa nela, seria a cor do vestido, que nem sempre fica bom com o fundo. O trabalho de câmeras é primoroso e esse espelho no fundo produz efeitos lindíssimos junto com o telão de fundo. Olha que, depois de hoje, passei a ver o top-10 como uma realidade. Nota: 9/10

Guilherme: Eis que temos uma apresentação intimista e simples, mas que funciona muito bem. Lucie é uma boa intérprete, e está bem confortável no palco, só precisa decorar mais a letra. E tem umas placas ali que não estão funcionando, é melhor arrumar pra dar 100% do espetáculo. De resto, tá tudo muito bom e creio que esse ano não vemos o Reino Unido entre os 5 últimos. Nota: 8,5/10

Jônatas: Finalmente o o Reino Unido mandou uma música decente com uma performance decente, esse ano espero muito do Reino Unido, pois tudo está muito bem executado, a apresentação de Lucie está muito bem elaborada, seu vocal também está muito bom. Nota:9,5/10

Marcus: Definitivamente o Reino Unido saiu da zona de maus resultados esse ano. O telão está ótimo e o jogo de câmeras parece explorar bem os efeitos do palco. Lucie, é claro, continua ótima. Nota: 7,75/10

Paulo: Que trabalho maravilhoso BBC! Nem parece que foram vocês que fizeram isso! Está totalmente excelente, visualmente brilhante, Lucie está linda, carismática, transmite emoção com um vocal excelente! (vou fingir que eu não vi ela esquecendo a letra). Melhor trabalho britânico desde Jade (na verdade, tá bem melhor que Jade Ewen) e realmente espero que o país colha bons frutos na final. Nota: 10/10


França

Fabiana: pela minha conta e risco, a apresentação da França poderia ser muto mais forte do que realmente é. O background de Paris é lindo e esse preto e dourado é bem elegante, mas sinto falta da Alma ‘p**ra louca gringa festeira perdida no Brasil’. Ela parece perdida nesse palco enorme e pouco faz contato visual com as câmeras. Ela é muito sedutora, deveria usar isso a seu favor, se conectando com o telespectador. O vocal da cantora melhorou muito desde aquela performance na final nacional ucraniana, que foi bem decepcionante! Ela poderia estar com um vestido mais romântico e sinto muita falta dos dançarinos do clipe.
Nota: 5,5/10

Guilherme: A voz melhorou, a robotização continua. Agora entendi a labirintite que o palco nos quer submeter, de certo modo condiz com a performance. O vestido tá bonito pra apresentação. Sim, falta gente no palco, e sim, jogou fora chances de uma possível vitória. Edoardo Grassi, o senhor é um bonitão mas essa apresentação ficou bem abaixo da capacidade da música. Esperamos que a França continue com a qualidade musical e de seus artistas bons e carismáticos, porém queremos menos desleixo nas performances. Nota: 4,5/10

Jônatas: Gostei muito do telão mostrando Paris de cima, está muito criativa e muito bem feita, só me incomodou a parte do último refrão que tudo começa a girar.  Seu vocal está muito bom também, o figurino ficou meio estranho.Mas creio que com um bom jogo de câmeras ficará muito legal. Nota:7/10

Marcus: Confesso que me surpreendi com a apresentação. No primeiro ensaio parecia ser algo que não daria certo, mas o jogo de câmeras parece aproveitar bem o fundo com Paris em movimento. Acho que o figurino da Alma não está muito condizente com a apresentação, e continuo achando que deveria haver dançarinos com ela no palco. Ainda sim, a apresentação não parece estar ruim. Nota: 6/10

Paulo: Aparentemente o Edoardo Grassi é mão de vaca e não gasta com ninguém extra no palco, além do cantor – e não entendo o porquê. Alma está extremamente sozinha e muito estática, deixando o palco muito vazio. Vocalmente está melhor do que eu pensei, mas esse telão patrocinado pelo Google Maps não me convenceu ainda. Muitas chances perdidas e … é difícil entender porque não se esforçam um pouquinho mais. Nota: 5/10

x Close

Curta nossa página no Facebook