Eurovision

Chipre terá um show de talentos como seletiva em 2018

Compositor escolhido internamente

28 de agosto de 2017 - por Fabiana Silva
28 08 2017

Segundo informações do clube de fãs INFE Greece, a CyBC já decidiu o tipo de seletiva que usará para o Eurovision 2018. Assim como em 2011, eles apostarão por um show de talentos com várias etapas, algo que eles descreveram como uma ‘seleção-maratona’. Ainda não se sabem detalhes dessa maratona, tais como formato, calendário, período de inscrição, quem está habilitado para participar, entre outros.

O que se sabe é que a emissora do Chipre escolherá o compositor da canção chipriota internamente. O nome mais forte é o do sueco de origem grega Alex Papaconstantinou. Alex já compôs para vários artistas eurovisivos, tais como Elena Paparizou, Anna Vissi, Ivi Adamou, entre outros. São composições dele “Yassou Maria” (Sarbel – Grécia 2007), “Always” (AySel & Arash –
Azerbaijão 2009), “La La Love” (Ivi Adamou – Chipre 2012) e “Cool Me Down” (Margaret – NF ESC Polônia 2016).

O vencedor da seletiva do Chipre será escolhido através de júri e televoto, em uma proporção de 50% para cada. O sueco Christer Björkman será um dos jurados, assim como o próprio compositor escolhido pela CyBC.


Chipre no Eurovision 2017

Em 2017, o Chipre foi representado por Hovig e a canção “Gravity“. Ele foi 5º colocado em sua semifinal e, na grande final, ele ficou em 21º lugar, com 68 pontos.

Fonte: ESCXtra

Veja mais sobre:

x Close

Curta nossa página no Facebook