Eurovision

Vice Primeiro Ministro da Ucrânia rejeita proposta da EBU

A situação é delicada

23 de março de 2017 - por Marcus Javarini
23 03 2017

Após a nota oficial da EBU dando a possibilidade de a Rússia se apresentar no Eurovision 2017 via satélite, foi duramente criticada pelo vice Primeiro Ministro da Ucrânia, Vyacheslav Kyrylenko. Como se sabe, o país proibiu a concorrente russa, Julia Samoylova de entrar no país por três anos em decorrência das leis locais.

Entenda o caso

Segundo Vyacheslav, a transmissão de Julia resulta no mesmo que a entrada da mesma no país:

Os programas de TV com a participação de persona non grata não são permitidos na Ucrânia. Esta posição da EBU está politizando o concurso. A transmissão de Julia Samoylova pelo canal de TV ucraniano é o mesmo tipo de violação das leis ucranianas como a sua entrada. A própria Ucrânia deve levar isso em conta. […] Uma possível solução é apenas na substituição do participante da Rússia.

É importante salientar que ainda não foi feito nenhum posicionamento formal acerca do assunto por parte da EBU ou da estatal ucraniana UA:PBC.


Quem é Julia Samoylova?

Julia Samoilova nasceu em 07 de abril de 1989, em Ukhta. Cantora e compositora, a música foi que a ajudou a encarar sua vida em uma cadeira de rodas. Venceu várias competições musicais dentro e fora da Rússia e tornou-se realmente conhecida quando foi finalista do programa Factor A, de Alla Pugacheva (2013). Em 2014, cantou o tema dos Jogos Paralímpicos de Inverno de Sochi.

Timeline-Russia

Fonte: ESC Kaz
x Close

Curta nossa página no Facebook