Eurovision

Maxim Fadeev quer preparar um representante para Belarus

Agradecimento ao atleta que carregou uma bandeira russa durante os Jogos Paralímpicos

05 de novembro de 2016 - por Fabiana Silva
05 11 2016

O produtor musical Maxim Fadeev (Rússia ESC 2007 e JESC 2014) teria enviado uma carta para o presidente de Belarus, Aleksandr Lukashenko, na qual se oferece para preparar um artista russo para representar os bielorrussos no Eurovision 2017. O atitude veio em forma de agradecimento ao atleta que carregou uma bandeira russa durante a cerimônia de abertura dos Jogos Paralímpicos (lembrando que a Rússia foi proibida de participar por causa de um escândalo de doping). Maxim comentou sobre seu gesto:

É apenas um sentimento humano e nada mais, o que pode nos encorajar mais do que isso? Só o quero fazer em nome do meu país […] Um dos eventos mais marcantes, na minha opinião, é o Eurovision, no qual os russos vão levantar a bandeira bielorrusa sobre suas cabeças. Será um símbolo de nossa amizade forte e da grandeza dos dois povos.

Sobre a possibilidade de haver alguma motivação política, Fadeev disse:

Nunca falei sobre política, porque sou uma pessoa apolítica, mas, no caso das pessoas com deficiência, elas estão lutando cada dia contra suas doenças, todos os dias elas as derrotam e superam a si mesmos, então não posso permanecer em silêncio. […] este não é um passo político, é um passo moral e ético, não é religioso, não é de compaixão e não é de caridade. Este passo não pode ser explicado em linguagem humana […]

Até o momento, Aleksandr Lukashenko não comentou se aceitou ou não a proposta do produtor russo.


Eurofest 2017

A final do Eurofest pode ser marcada até o dia 25 de janeiro e o vencedor será escolhido através de júri e televoto, numa proporção de 50% para cada. Em caso de empate, o júri decidirá o representante de Belarus.

Fonte: Life.ru

Veja mais sobre:

x Close

Curta nossa página no Facebook