Eurovision

Grécia desiste de seletiva nacional e deverá escolher internamente

Querem economizar dinheiro

15 de dezembro de 2016 - por Marcus Javarini
15 12 2016

Como foi anunciado aqui pelo ESCPedia, a Grécia estaria planejando a volta da sua seletiva nacional para 2017, método não utilizado em 2016. Porém, o site NewsIT afirma que a estatal grega ERT desistiu de organizar o processo seletivo e deverá definir o seu representante internamente. A medida se dá na proposta da emissora de economizar dinheiro para promover o representante escolhido ao invés de gastá-lo com uma seletiva pública.

Para escolher o representante grego internamente, a ERT convidou as gravadoras a enviar propostas de canções até o mês de fevereiro. A partir daí a emissora irá definir quem representará a Grécia no Eurovision 2017.


A Grécia no Eurovision

A Grécia estreou no Eurovision em 1974 e participa regularmente do festival, obtendo bons resultados e se classificando par a final quase todas as vezes. O país venceu a competição somente uma vez, em 2004, onde Helena Paparizou levou o troféu para os gregos com a canção ‘My number one’, com 230 pontos. Relembre:

Fonte: Eurovoix

Veja mais sobre:

x Close

Curta nossa página no Facebook