Eurovision

Chipre discute formato de seletiva nacional para 2018

A última seletiva nacional ocorreu em 2015

23 de junho de 2017 - por Marcus Javarini
23 06 2017

A estatal cipriota RIK já está em discussões para definir os detalhes da seletiva nacional do país para o Eurovision 2018, é o que afirma a mídia local ShowTime-cy. Segundo o site, a emissora está fazendo algumas reuniões para definir os detalhes do programa, como o formato e as regras da competição, que escolherá o representante do Chipre para o Eurovision 2018 que acontecerá em Portugal no próximo mês de maio.

Dentre os detalhes já definidos, aparece o nome de Haris Savva como o Diretor Artístico da seletiva. Vale lembrar que ele esteve por trás da performance de Hovig na edição desse ano no Eurovision. Além disso, discute-se que a emissora abra as inscrições para a seletiva no mês de agosto. Estarão habilitados para se inscrever artistas e músicos de todo o mundo, desde que estejam trabalhando com um cipriota na performance.

A última seletiva nacional do Chipre foi realizada em 2015, que selecionou Giannis Karagiannis para Viena com ‘One thing i should have done‘, que terminou em 22º lugar na final com 11 pontos. Relembre:


O Chipre no Eurovision

O Chipre estreou no Eurovision em 1981 e desde então só não esteve presente em 2001 e em 2014. Dentre as participações do país, o melhor resultado é quinta posição, nos anos de 1982, 1987 e 2004. Nos demais anos, o país obteve resultados medianos, na maioria das vezes se classificando fora do top 10. Em 2017 Hovig defendeu as cores do Chipre em Kiev com ‘Gravity‘ e chegou o 21º posto na final.

Fonte: Eurovoix

Veja mais sobre:

x Close

Curta nossa página no Facebook