Análises

Grande estrela no palco, pouco brilho na canção

Austrália: Alexa Curtis - "We are"

02 de novembro de 2016 - por Marcus Javarini
02 11 2016

Ficha Técnica

  • País: Austrália
  • Artista: Alexa Curtis
  • Título: We are
  • Data de Lançamento: 07 de outubro de 2016
  • Autor(es): Ali Tamposi, Tania Doko e Boi 1da
  • Emissora: SBS
  • Método de seleção: escolha interna

Biografia

Alexa CurtisAlexa Curtis tem 12 anos e vive com sua família em Brisbane. Ela começou a fazer jazz e dança contemporânea aos 5 anos e, aos 8, participou da produção amadora Oliver, junto com seu irmão Aidan.

Em 2014, inscreveu-se para o The Voice Kids e encantou os jurados durante as audições às cegas, interpretando “Girl on Fire” (Alicia Keys) – ela escolheu o time de Delta Goodrem para prosseguir na competição, a qual acabaria ganhando. Como prêmio pela vitória, Alexa assinou contrato com a Universal Music Austrália e lançou seu primeiro single, “Playground“. Ainda em 2014, fez parte do NSW Schools Spectacular e do Vision Australia’s Carols by Candlelight no Sidney Myer Music Bowl de Melbourne. Em março de 2016, cantou o tema de abertura de seis episódios do desenho As Meninas Superpoderosas para a Austrália e Nova Zelândia.

Alexa também realiza ações solidárias: participou do show Childs Vision, cantou no hospital infantil Lady Cilento e foi uma das vozes principais da campanha internacional do Child 4 Child, organização internacional de apoio à criança com câncer.


Galeria


Clipe Oficial


Análise

A intérprete

Alexa CurtisA segunda participação australiana na competição infantil levará Alexa Curtis para o palco de Valetta. A jovem de 12 anos não aparenta ter sua idade, não só pelo seu estilo mais adulto mas também pela sua voz, que pode ser facilmente comparada com artistas mais experientes. Isso significa que ela não deixa a desejar no vocal e com certeza se dará muito bem nesse quesito na hora de receber as notas dos jurados. Além disso, Alexa carrega no seu currículo uma vitória no The Voice Kids da Austrália, ou seja, não falta experiência no palco, muito menos carisma e desenvoltura frente às câmeras. Sem dúvida, Alexa é uma artista em potencial e irá surpreender em Malta. Nota: 8/10

A canção

Alexa CurtisSe por um lado a SBS sabe escolher boas proostas para a versão de adultos, a emissora deixa a desejar no que diz respeito a escolha de canções na versão infantil do Eurovision. Ao contrário do que foi mostrado no Eurovision, a versão Junior vem com uma proposta muito apagada e sem nenhuma surpresa, que não explora o poder vocal de Alexa e poderá fazer com que a Austrália não tenha muita notoriedade na competição. É importante ressaltar que o tema não é ruim, porém deixa a desejar na originalidade e, com certeza, não será a primeira na preferência de votação de muitos jurados, principalmente o infantil, o qual não se interessa muito por esse estilo musical (o que é comprovado no histórico da competição). Nota: 5,5/10

O apelo com o público

Alexa CurtisA principal consequência da má escolha da canção é que a Austrália pode perder muitos pontos no quesito apelo com o público. Ainda que a intérprete tenha uma excelente desenvoltura no palco e um grande poder vocal, tudo isso poderá ser atrapalhado por uma canção que não se destaca dentre as demais concorrentes, ou seja, não ganhando a atenção frente a propostas mais chamativas e mais adequada para a competição. Nota: 3,5/10

O conjunto da obra

Alexa CurtisAinda que tenhamos uma proposta fraca, Alexa poderá dar algum encanto em “We are“, fazendo com que o país fique posicionado na metade da tabela, arriscando até mesmo um top-10. Ainda assim, a Austrália enfrentará algumas dificuldades na competição, já que sua proposta deixa a desejar em alguns aspectos, principalmente quando se trata de chamar a atenção do público, tendo em conta que propostas mais chamativas e adequadas poderão facilmente ultrapassar o país na tabela. Nota: 6/10

O veredito

Média das notas - Austrália JESC 2016



E amanhã…

George Michaelides

A temporada de análises do ESCPedia continua amanhã, com nosso veredito sobre “Dance Floor“, canção de George Michaelides que representará o Chipre.

x Close

Curta nossa página no Facebook