Eurovision

Bósnia e Herzegovina não voltará em 2018

A última participação foi em 2016

18 de setembro de 2017 - por Marcus Javarini
18 09 2017

A BHRT, emissora estatal da Bósnia e Herzegovina, confirmou hoje que o país não competirá no Eurovision 2018, marcado para maio em Lisboa. A confirmação da ausência foi feita através do Twitter.

A decisão da emissora não pegou ninguém de surpresa, uma vez que a estatal vem enfrentando sérios problemas financeiros, motivo pelo qual encerrou suas transmissões no ano passado, com dívidas que chegam a 20 milhões de Euros (Quase R$73.700.000,00). A primeira vez que o país anunciou sua ausência devido a problemas financeiros foi em 2013, após o 18º lugar na edição de 2012 sediada em Baku. A falta de recursos impediu o país de participar em 2014 e em 2015. Já em 2016, devido a uma parceria com vários patrocinadores, a Bósnia e Herzegovina levou Deen, Dalal, Ana Rucner e Jala para a edição de Estocolmo com a música ‘Ljubav je’, o que resultou na primeira falha à final desde que as semifinais foram implantadas no Eurovision. Em 2017 a BHRT alegou novamente a falta de recursos financeiros, marcando mais uma ausência na competição.


A Bósnia e Herzegovina no Eurovision

O país estreou na competição em 1993 e participou regularmente do Eurovision até 2012, exceto em 1998 e 2000 onde ficaram de fora da competição. Em seu histórico, a Bósnia e Herzegovina teve resultados medianos, na maioria das vezes abaixo do 10º lugar. O melhor resultado do país veio em 2006 onde Hari Mata Hari atingiu o terceiro posto na competição com a canção ‘Lejla’. Além de 2006, a nação ficou dentro do top 10 em 5 das 18 participações no Eurovision. Relembre o melhor resultado do país:

Fonte: ESC Xtra
x Close

Curta nossa página no Facebook